Informática

Configuração de VPN de baixo custo – 3.ª Parte

No vídeo que acompanha este artigo mostro como proceder de modo que apenas um ou um grupo de dispositivos tenha acesso à VPN externa. Pode perguntar, porque haveria de querer isto?

Ter a VPN sempre ativa, nem sempre é vantajoso, senão vejamos:

  • A velocidade de tempo de resposta na chamada de sites é mais lenta (Ping);
  • A própria velocidade da internet também é mais lenta;
  • A ligação pode ser interrompida;
  • Em determinadas situações pode ser difícil de configurar.

Aproveito a ocasião para referir as vantagens:

  • O primeiro o tema que me levou a fazer estes vídeos, sendo ele: o acesso a conteúdos que de outro modo lhe estariam vedados;
  • A ligação através de uma VPN é mais segura, sobretudo senão estiver a usar serviços de VPN gratuito. Nesse caso, todos os seus dados podem ser, e com toda a certeza serão, escrutinados. Lembre-se que ninguém dá nada sem algo em troca;
  • Ao mascarar o seu IP, pode permitir poupar bom dinheiro, como no caso de reservas de voos e de hotéis;
  • As VPN’s, apesar de ter um custo, são mais baratas que outros sistemas de segurança, é o caso de certas opções existentes nos chamados “antivirus” que se pagam anualmente.

Como já deve ter percebido as vantagens ultrapassam largamente as desvantagens, não só consegue aceder ao conteúdos que deseja, mas também o pode fazer de modo privado.

Pode aproveitar o melhor de dois mundos: pode ligar a desligar a VPN sempre que quiser, mas também pode “associar” a VPN a um dispositivo ou a um grupo de dispositivos. Sendo isto realizado através da aplicação, algo já explicado, sendo um processo tão simples como descarregar a instalar uma aplicação específica do serviço VPN que contratou. Se a configuração estiver a ser realizada através de um router, fique a saber que também é possível especificar um, ou um conjuntos de dispositivos. O vídeo anexo a este artigo mostra precisamente como reencaminhar certos dispositivos da sua rede para aceder ao serviço, VPN, deixando o resto da rede com ligação direta ao exterior.

Este exemplo mostrar apenas a configuração do serviço de VPN, ou seja, irá ficar disponível em todos os dispositivos que estejam ligados à sua rede de casa.

O serviço que aqui vou usar é o da privatevpn.com, este serviço cumpre, sendo na minha opinião aquele que melhore relação preço-qualidade oferece.

24 meses de serviço por pouco 45 dólares é um valor quatro vezes inferior à concorrência mesmo com promoções a decorrer

Para quem precisa de mais serviços, recomendo o expressvpn.com caso necessidade de uma VPN através de DNS, uma opção boa para quem tem appleTV e não pode ou não quer configurar nada.

Buy Me A Coffee

O próximo artigo será sobre como atribuir a VPN a dispositivos selecionados que pertençam à sua rede, isto sendo realizado através do router.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *